domingo, 22 de março de 2009

O MAR E TU - Andrea Bocelli e Dulce Pontes



Sentir em nós
Sentir em nós
Uma razão
Para não ficarmos sós
E nesse abraço forte
Sentir o mar,
Na nossa voz,
Chorar como quem sonha
Sempre navegar
Nas velas rubras deste amor
Ao longe a barca louca perde o norte.
Meu amor
Se você e o mar não estivessem aqui
Eu também não estaria
Meu amor
O amor existe quando nós
estamos próximos a Deus
Amor
No teu olhar
Um espelho de água
A vida a navegar
Por entre o sonho e a mágoa
Sem um adeus sequer.
E mansamente,
Talvez no mar,
Eu feita espuma encontre o sol do teu olhar,
Voga ao de leve, meu amor
Ao longe a barca nua a todo o pano.
Meu amor
Se você e o mar não estivessem aqui
Eu também não estaria
Meu amor
O amor existe quando nós
estamos próximos a Deus
Amor
Meu amor
Se você e o mar não estivessem aqui
Eu também não estaria
Meu amor
O amor existe quando nós
estamos próximos a Deus
Amor
Sentir em nós
Sentir em nós
Uma razão
Para não ficarmos sós
E nesse abraço forte
Sentir o mar,
Na nossa voz,
Chorar como quem sonha
Sempre navegar
Nas velas rubras deste amor
Ao longe a barca louca perde o norte.
Meu amor
Se você e o mar não estivessem aqui
Eu também não estaria
Meu amor
O amor existe quando nós
estamos próximos a Deus
Amor
No teu olhar
Um espelho de água
A vida a navegar
Por entre o sonho e a mágoa
Sem um adeus sequer.
E mansamente,
Talvez no mar,
Eu feita espuma encontre o sol do teu olhar,
Voga ao de leve, meu amor
Ao longe a barca nua a todo o pano.
Meu amor
Se você e o mar não estivessem aqui
Eu também não estaria
Meu amor
O amor existe quando nós
estamos próximos a Deus
Amor
Meu amor
Se você e o mar não estivessem aqui
Eu também não estaria
Meu amor
O amor existe quando nós
estamos próximos a Deus
Amor
Postar um comentário