sexta-feira, 1 de maio de 2009

TABACARIA



Poemas sobre a vida e o seu sentido.

Tabacaria, de Fernando Pessoa, (Álvaro de Campos) é um dos mais extraordinários poemas.


Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada.
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.
(…)
Conquistámos todo o mundo antes de nos levantar da cama;
Mas acordámos e ele é opaco,
Levantámo-nos e ele é alheio,
Saímos de casa e ele é a terra inteira,
Mais o sistema solar e a Via Láctea e o Indefinido.
(…)
Come chocolates, pequena; Come chocolates!
Olha que não há mais metafísica no mundo senão chocolates.

Fernando Pessoa, 1888-1935, poeta português,
Tabacaria
Ver poema completo
Postar um comentário